Este site usa cookies. Ao usar esse site, você concorda com nossa política de cookies. As configurações de cookies podem ser alteradas em seu navegador.Descubra mais

Soluções de Resgate e Fuga - Trabalhadores colocam o plano de segurança e emergência em ação com o equipamento Dräger Saver CF

Soluções de Resgate e Fuga

Pergunte a um especialista

Segurança em primeiro lugar: estar preparado para cada emergência

Situações críticas podem surgir a qualquer momento – por isso é essencial estar preparado para emergências, com um plano eficaz de fuga e resgate em vigor. Para possibilitar uma reação rápida e resposta de emergência eficaz, os trabalhadores devem ser treinados para situações de emergência e possuir sempre o equipamento de fuga e resgate certo. Um pré-requisito para isso é uma gestão de segurança e emergência estruturada.

Como os profissionais de resgate se tornam vítimas?

Em 2017, 166 pessoas morreram enquanto trabalhavam em espaços confinados, só nos EUA.1 Este tipo de trabalho é caracterizado por entradas estreitas, ventilação precária, vão baixo e espaço limitado para movimentos Se os perigos não forem reconhecidos prontamente, a probabilidade de acidentes aumenta. Quando acidentes relacionados com a entrada em espaços confinados (CSE) acontecem, geralmente resultam em mortes devido às concentrações de gases tóxicos, falta de oxigênio, explosões, partes móveis, colapso de uma plataforma, queda de uma escada ou algo similar. 

E mais: muito frequentemente, os resgatistas também correm os mesmos riscos. As missões de resgate podem ser frustradas devido às condições adversas – as mesmas condições que causaram o acidente original. Treinamento insuficiente dos resgatistas e abordagens de resgate não testadas também podem resultar em graves acidentes. De acordo com a EHS Today, dois terços das vítimas que morrem em espaços confinados são, na verdade, profissionais de resgate.

Resgate em espaços confinados

Por quê tentativas de fuga e resgate falham?

Os resgates em espaços confinados podem falhar quando os planos de resgate não existem ou são insuficientes. Isso acontece no uso de equipamentos de segurança inadequados ou no mau uso dos equipamentos de resgate. Além disso, treinamentos irregulares, falta de experiência operacional ou conhecimento inadequado sobre o local podem atrapalhar os esforços de resgate. Os pontos de entrada também podem ser restritos de modo a dificultar a chegada dos resgatistas até as vítimas, especialmente quando for necessário equipamento respiratório pesado. Se não existirem planos de emergência e contingência, a coordenação das ações dependerá de decisões espontâneas e da ação de indivíduos.

Reconhecer perigos, avaliar riscos, planejar abordagens de resgate

A importância de avaliar os riscos não pode ser subestimada. Ter uma visão geral de incidentes é fundamentalmente importante para a execução eficaz de fuga e resgate, e afeta o tempo de resposta às situações de emergências. Você, portanto, precisa se preparar para calcular a importância da ocorrência de acidentes com avaliações de riscos regulares – para que possam estar disponíveis quando forem necessárias e você ter uma visão geral relevante das ameaças.

Matriz da avaliação de riscos

Esta matriz apresenta uma avaliação de riscos de um incidente, com base na classificação do potencial de lesão em relação à probabilidade de ocorrência.

Resulting risks can be reduced by means of the levers prevention of damage occurrence and decreasing the severity of damage, through the correct implementation of technical and organisational measures and lastly, through employing relevant personal protective equipment.

From the information collected, essential protective measures can also be derived. These protective measures are equally important for consideration when implementing a rescue. Just as with rescuer training and action plans, these measures are subject to continuous ongoing development. Rescue approaches must be adequately and regularly tested and updated. Standard processes can help to identify hazards and assess risk: for instance, a standard form can systematically document potential hazards and occurrence probability.

Formulário para avaliação de perigos

Avalie os riscos por matriz

Liste e avalie os riscos e calcule probabilidades: use nosso formulário modelo para avaliação de riscos para ficar de olho em incidentes perigosos potenciais.

Baixar formulário

Desenvolver uma abordagem de resgate específica

As informações oriundas da avaliação de riscos proporcionam a base para a avaliação geral das condições de trabalho específicas. Via de regra, no que toca os espaços confinados, essa avaliação é realizada por uma equipe de vários especialistas, incluindo, dentre outros: engenheiros de segurança, supervisores de segurança, analistas de gases e médicos do trabalho. Uma abordagem de risco desenvolvida com base nisso sempre considera o pior cenário possível, de modo que todas as eventualidades sejam consideradas, descritas e tratadas apropriadamente. Isto inclui:

  • acionar uma cadeia de resgate, internamente (corpo de bombeiros local) e externamente (brigada de incêndio oficial)
  • a disponibilidade de equipamento de resgate pronto para uso
  • um ponto pré-determinado de transferência para a cadeia de resgate externa

Para cada local de trabalho individual e para cada área identificada como um espaço confinado, deve-se colocar em vigor um plano de resgate correspondente e bem específico.


Quatro partes da abordagem preventiva

Imagem do Princípio STOP

A tailored and detailed rescue plan for a specific confined space should always be based on the hierarchical STOP Principle. This follows a preventative approach in line with the so-called “Safe System of Work”. 

S stands for substitution of work processes, with the goal of completely eliminating specific risks. 

T stands for technical measures

O stands for organisational measures

P stands for personalised measures.

Três partes da abordagem de resgate

Imagem do Princípio TOP

A abordagem de resgate com base no Princípio STOP deve seguir o Princípio TOP em situações de emergência. 

T significa a disponibilidade de equipamento técnico apropriado, como um tripé com polia ou pontos fixos pré-equipados com cordas montadas. 

O significa medidas organizacionais como, por exemplo, treinamento para operações de resgate em reservatórios silos e espaços confinados, além da elaboração de cadeias de resgate internas e externas. 

P significa medidas personalizadas em relação ao autorresgate. Este é um resgate relativamente fácil, também chamado de "resgate básico". 

A pessoa que aprende essas medidas precisa receber informações para que tenha conhecimento adequado sobre o tema “identificar e avaliar perigos”. A aplicação correta do equipamento de fuga também deve ser praticada. Além disso, os resgatistas externos também devem ser treinados em primeiros-socorros e no processo correto da cadeia de resgate.

Stefan Dräger
"Um sistema de gerenciamento de segurança confiável precisa de um conceito inteligente, da equipe certa e de treinamento regular.”

Stefan Dräger, Presidente do Conselho Executivo

Soluções para os conceitos de fuga e resgate no setor de minas

Trabalhar em uma mina oferece muitos desafios e riscos em potencial. Acidentes em minas podem ter consequências desastrosas.

Soluções de Resgate e Fuga - Soluções para Fuga e Resgate na Indústria da Mineração
Folheto Luz no meio do túnel

Segurança subterrânea confiável

Ao trabalhar em espaços confinados no subterrâneo, a possibilidade de algo dar errado nunca pode ser 100% descartada, independentemente das precauções tomadas. Os abrigos de refúgio da Dräger podem ser seu apoio nessas emergências. Saiba como a variedade de tamanhos e funcionalidades ajuda a manter todos profissionalmente seguros – mesmo nos piores cenários.

Baixar o folheto

Áreas do produto relacionado

Um foco na segurança subterrânea e na mina durante operações de escavação de túneis

Segurança subterrânea e equipamento de resgate

Minerador usa um respirador de fuga Dräger Oxy 3000 6000 no seu cinto

Equipamentos de fuga

Trabalhador industrial verifica a tela do detector de gás portátil Dräger X-am 3500

Detectores de gás portáteis

Níveis de gás medidos com o Dräger X-pid 9000/9500 na entrada de espaço confinado

Entrada em espaços confinados

Não é apenas em situações de emergência que temos que ficar de prontidão: é necessário atenção total ao entrar em espaços confinados (CSE), mesmo sob condições normais de trabalho. Dê uma olhada mais de perto em nosso conselho sobre CSE para minimizar os riscos.

Saiba mais

Entre em contato com a Dräger

Contate-nos Safety

Dräger Safety do Brasil Equipamentos de Segurança Ltda.

Al. Pucurui 51/61 - Tamboré
Barueri - São Paulo - Brasil
06460-100

+55 11 4689 4900

Filial Camaçari

Rua Hidrogênio, 2802, Galpão 03
Polo Industrial de Camaçari
Camaçari – Bahia - Brasil
42816 -140

Filial Macaé

R. Fiscal Juca, 476 - Novo Cavaleiros
Macaé - Rio de Janeiro - Brasil
27933-450

+55 22 2765 7098

Filial Triunfo

Rod. Tabai/Canoas  km 419 - Vila de Contorno 850
Triunfo - Rio Grande do Sul - Brasil
95853-000

+55 51 3457 1303